Buscar
  • Patrícia El-moor

Madinat al-Zahra


A cidade palatina de Madinat al-Zahra, situada em Córdoba (España), foi apresentada como candidata em 2017 para ser nomeada Patrimônio Mundial da Unesco. O lema escolhido para lançar sua candidatura do conjunto arqueológico é "Enamórate de la ciudad que brilla".

Em julho saberemos a decisão da Unesco, mas enquanto isso, podemos esperar meses de muita divulgação e promoção da cidade. Há menos de um mês estive ali com Nick Elmoor, super fotógrafo e parceiro no projeto Fragmentos de Utopias, cuja exposição poderá ser conferida em abril aqui na capital federal.

Optamos por capturar algumas imagens do local, cujas escavações tiveram início em 1910 e seguem a pleno vapor ainda hoje, porque consideramos que Madinat al-Zahra povoa o imaginário de muitas pessoas tendo, inclusive, alimentado algumas lendas.

Durante anos, dizia-se que sua construção teria sido uma homenagem de Abd al-Rahman III à sua esposa favorita al-Zahra. Mas, estudos mostraram que a construção dessa cidade (que iniciou em 936) teve como objetivo, não somente a residência do primeiro califa de Al-Andalus, mas também a sede de seu governo.

Infelizmente, menos de 100 anos após o início da construção de Madinat al-Zahra, a cidade foi destruída por saqueadores durante a guerra civil que pôs fim ao califado.

O vídeo abaixo contem algumas imagens maravilhosas do local e, junto a belíssima música que as embalam, é possível viajarmos um pouco no tempo e no espaço e imaginarmos como deveria ser a vida nessa cidade tão linda e que teve uma vida tão breve...

#herançaibérica #presençaárabe #alAndalus #córdoba #madinatalzahra

36 visualizações